Revista de Economia Política e História Econômica (REPHE)

22/12/2017

“Toda História é História Contemporânea”, já ensinava o mestre Marc Bloch. Ao falarmos, mesmo do passado mais remoto, estamos tocando em aspectos da contemporaneidade, além de estarmos deixando nessa fala nossos traços, reconhecíveis também aos estudos posteriores.

A edição de número 39 da Revista de Economia Política e História Econômica (REPHE) já se encontra disponível no site http:\\rephe01.googlepages.com

Este número inicia-se com um artigo de Elisio Pierre Chaves e Fátima Previdelli sobre o direito do trabalho no Mercosul. Vinod Kunar Singh, Naman Sharma e Swati Pathak abordam os aspectos comportamentais ligados à produtividade, em um exercício empírico. Cesar Labre, Glauber Xavier e Rickley Marques colocam em premência as condições pré-revolucionárias do Capitalismo atual. Fernando Almeida e Yuri Villalba examinam o papel da China na construção das relações internacionais contemporâneas. Syed Ahmed aborda a questão dos defaults causados pelos sucessivos déficits nos títulos soberanos nas economias nacionais. Cristiano Addario de Abreu apresenta um artigo sobre o populismo nos EUA e sua relação com o Capitalismo Monopolista. André Cutrim Carvalho e David Ferreira Carvalho tem como assunto um estudo sobre a natureza dos investimentos, baseado nas ideias de Keynes. O artigo de Tiago Della Corte aborda a agricultura brasileira em sua transição do século XX para o XXI. Alcides Mirabelli e Ivan Salomão apresentam um estudo regional sobre as características do projeto do PRR para o desenvolvimento do Rio Grande do Sul. Uma resenha de Talysson Bastos sobre o recente livro de Antônio Goucha Soares sobre a Eurozona fecha mais este número da Revista de Economia Política e História Econômica.


Agradecemos a colaboração de todos os envolvidos na execução de mais este número da REPHE e convidamos, como sempre, à leitura.

 

MAIS EVENTOS



Entre em contato conosco pelo e-mail: abphe1@gmail.com